O sucesso das cobranças depende da celeridade com que o credor exige o seu direito.

Frustrando-se o pagamento na fase extrajudicial, o credor, em regra, tinha de recorrer ao tribunal para obter uma sentença e só depois podia intentar a acção executiva que lhe permitia avançar para a penhora. Este processo era demorado e com ele se perdia, muitas vezes, o rasto do devedor. O denominado procedimento de injunção permite de forma célere, simplificada e com custos reduzidos obter um título executivo essencial para passar à penhora dos bens do devedor.

Este procedimento pode ser interno ou europeu. Com a criação da injunção europeia permite-se a livre circulação das injunções de pagamento europeias em todos os Estados-Membros.

Venha conhecer e aprender como e em que circunstâncias pode usar estes procedimentos e assim obter rápida recuperação dos seus créditos em todo o espaço europeu.